Estudos Bíblicos

"Prossigamos até a perfeição" Hb 6:1

Você está aqui: HomeEstudos Bíblicos Comentário Bíblico Artigos A Igreja dos Miseráveis

Patrocínio

A Igreja dos Miseráveis

A bíblia demonstra que a vida dos cristãos está escondida com Cristo em Deus, porém, os da igreja dos miseráveis promovem o medo sórdido do diabo. Vivem nomeando, entrevistando, sonhando, expulsando e comunicando com entidades malignas, porém, não oferecem segurança em Cristo. Enquanto a bíblia diz que criatura alguma (e o diabo está incluso neste rol), separa o cristão do amor de Deus, promovem o medo de seus seguidores com algumas figuras bíblicas como o gafanhoto, tendo aquele que foi vencido na cruz do calvário como o responsável pelas vicissitudes da vida de seus adeptos.

Como Surgem

A igreja dos miseráveis surge da gana de alguns homens corruptos, de entendimento, privados da verdade, que curvarem-se diante do próprio ventre. São aqueles que cuidam que o evangelho é fonte de ganho e só pensam nas coisas terrenas.

 

Quem são seus Líderes

Jesus alertou os seus seguidores acerca destes homens: "Acautelai-vos, porém, dos falsos profetas, que vêm até vós vestidos como ovelhas, mas, interiormente, são lobos devoradores. Pelos seus frutos os conhecereis..." ( Mt 7:15 -16). Jesus apresenta a única forma possível para identificar um falso profeta: os seus frutos!

Qualquer que olhar para um falso profeta verá uma ovelha, pois eles circulam entre os cristãos vestidos como ovelhas, ou seja, através do comportamento é impossível identificá-los.

 

Características dos seus Líderes

A função de um profeta é ser mensageiro de Deus (falar segundo a verdade do evangelho). Já o falso profeta não anuncia o que é verdadeiro, mas se posiciona como mensageiro de Deus. O problema principal deles não é a moral ou o comportamento (pele de ovelha), e sim, o que professam. O fruto que Jesus fez referência e que torna possível identificá-los é o fruto dos lábios, ou seja, aquilo que professam acerca de Jesus ( Hb 13:15 ).

Os falsos profetas geralmente clamam: “Senhor, Senhor”, profetizam em nome de Deus, expulsão demônios e até fazem muitos milagres ( Mt 7:22 )! Porém, não são conhecidos de Deus, e praticam a iniqüidade. Estes ouvirão abertamente de Jesus: “Aparta-vos de mim, vós que praticais a iniqüidade!” ( Mt 7:23 ).

Eles não entrarão no reino de Deus por não terem feito a vontade de Deus, que expressamente diz: creia no nome do seu Filho, Jesus Cristo ( Jo 6:29 ; 1Jo 3:23 ). João avisa: "AMADOS, não creiais a todo o espírito, mas provai se os espíritos são de Deus, porque já muitos falsos profetas se têm levantado no mundo" ( 1Jo 4:1 ).

O alerta é específico: "E surgirão muitos falsos profetas, e enganarão a muitos" ( Mt 24:11 ); "Porque surgirão falsos cristos e falsos profetas, e farão tão grandes sinais e prodígios que, se possível fora, enganariam até os escolhidos" ( Mt 24:24 ). Haverá muitos falsos profetas que farão grandes sinais e prodígios e serão benditos (louvados) pelo povo "Ai de vós quando todos os homens de vós disserem bem, porque assim faziam seus pais aos falsos profetas" ( Lc 6:26 ).

O que orienta os escolhidos de Deus nos últimos dias é analisar o que os homens dizem(provar os espíritos), comparando com as Escrituras.

Estes homens réprobos quanto ao evangelho se auto-intitulam mestres, doutores, apóstolos, pastores, bispos, etc.

Patrocínio

Depoimentos

left
"A concepção mais excelente de amor foi alterada com a dinâmica da língua, mas a essência do amor permanece inviolável".
 

Lançamento

left
Acesse a loja do portal Estudo Bíblico e adquira o livro 'A Obra que demonstra Amor a Deus'.